De Coração para Coração

Reflexão – Parte Final – dia 16 de outubro de 2017

“Dizendo: Que queres que te faça? E ele disse: Senhor, que eu veja. E Jesus lhe disse: Vê; a tua fé te salvou. E logo viu, e seguia-o, glorificando a Deus. E todo o povo, vendo isto, dava louvores a Deus”. (Lucas 18:41-43)

 

Quando o cego foi levado à presença de Jesus após ter chamado Sua atenção, foi questionado sobre o que ele realmente queria. E ele não titubeou e respondeu que eu veja. O nome do Senhor foi glorificado naquela ação, não foi algo somente para o ego humano.

 

Temos que continuar clamando até nosso milagre chegar, mas também precisamos entender que se ele não chegar é porque não existia um propósito maior. Por trás de todo desejo que temos existe um propósito maior que somente Deus conhece. Por isso sempre falo que quando sonharmos algo, nós devemos levar a Deus em primeiro lugar.

 

Em nenhum instante Jesus quer que permaneçamos em inércia e olhando para nossa vida como se não fôssemos o protagonista. Vale a pena ainda ressaltar que existem alguns pontos a serem reforçados:

 

  • Gratidão: jamais podemos ser ingratos com Deus e com quem caminha conosco nos abençoando.
  • Promessas: sempre devemos crer na Palavra Profética que Deus nos dá. Todavia, tenha a certeza de que a palavra é de Deus. Sua comunhão e intimidade com o Eterno é muito importante para que não haja confusão.
  • Deslocamento: temos sempre que estar em movimento. Oração, jejum e busca constante do propósito de Deus em nossas vidas.

 

Que possamos entender que Deus é por nós, mas que nós precisamos agir. Não somos marionetes e sim filhos do Altíssimo que devemos estar em constante locomoção.

 

Deus nos abençoe e que nossos sonhos e projetos sejam alcançados para honra e glórias do nosso Deus!

 

Paula Mesquita

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.