De Coração para Coração

Reflexão – dia 30 de junho de 2017

“Pais, não irriteis os vossos filhos, para que não fiquem desanimados. Servos, obedecei em tudo ao vosso senhor segundo a carne, não servindo apenas sob vigilância, visando tão-somente agradar homens, mas em singeleza de coração, temendo ao Senhor. Tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como para o Senhor e não para homens, cientes de que recebereis do Senhor a recompensa da herança. A Cristo, o Senhor, é que estais servindo; pois aquele que faz injustiça receberá em troco a injustiça feita; e nisto não há acepção de pessoas”. (Colossenses 3:21-25)

Último dia da semana e do mês…

Chegamos à metade do ano…

E o que fizemos para Deus?

Quando estávamos escrevendo nossa lista de pedidos para o novo ano que se iniciava, acredito que havia muitos pedidos sobre salvação dos nossos familiares, processos que estavam na justiça, equilíbrio financeiro e familiar, alguém para se relacionar… Mas, pensando na grande maioria das pessoas que fizeram os seus pedidos a Deus, quantas rogaram por sua vida espiritual e seu ministério?

O texto do capítulo três de colossenses termina nos alertando que tudo que executamos deve ser feito como para ao Senhor e que é d’Ele que receberemos a nossa recompensa. Também avisa que se houver alguma injustiça, ela não passará em branco. Porém, devemos lembrar que esse “troco” será do Senhor, e não de nós.

Nosso papel é trabalhar com afinco, louvando e agradecendo sempre a Deus, efetuando tudo para Ele e esperando o que nosso Senhor tem para nós.

Ainda faltam seis meses para o ano acabar e não será vergonha nenhuma se traçarmos novamente nossa meta, mas que dessa vez ela seja feito no altar do Eterno e a luz da Palavra de Deus.

“Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas”. (Mateus 6:33)

Que nosso dia e final de semana sejam de muitas reflexões sobre nossa vida e como podemos mudá-la para honra e glória do nosso Deus!

Autora Paula Mesquita

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.