De Coração para Coração

Reflexão – 27 de junho de 2017

“Por estas coisas é que vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência. Ora, nessas mesmas coisas andastes vós também, noutro tempo, quando vivíeis nelas. Agora, porém, despojai-vos, igualmente, de tudo isto: ira, indignação, maldade, maledicência, linguagem obscena do vosso falar. Não mintais uns aos outros, uma vez que vos despistes do velho homem com os seus feitos e vos revestistes do novo homem que se refaz para o pleno conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou”. (Colossenses 3:6-10)

Ser cristão não nos torna melhores do que as outras pessoas, apenas responsáveis por trilhar um caminho melhor para Deus.

Na segunda epístola aos coríntios, capítulo cinco, versículo dezessete, Paulo diz: “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo”.

Se eu mentia não minto mais.

Se eu roubava não roubo mais.

Se eu era rixosa, hoje não sou mais.

Se minhas atitudes não eram condizentes com um servo de Deus, hoje minha conduta mostra que sou transformada por Cristo.

Se meu vocabulário era torpe, hoje ele é bênção para quem cruzar meu caminho.

Se eu não podia ter ao meu redor alguém do sexo oposto que meus pensamentos e vontades me levavam a um caminho tortuoso, hoje eu luto para que o Espírito Santo domine minha mente e me leve a um nível maior de comprometimento e intimidade com Deus.

Essa é a estrada que me esforço todos os dias para permanecer a fim de que no final eu seja aprovada pelo Rei dos reis e Senhor dos Senhores.

Você já fez a sua escolha diária?

Que possamos refletir quem verdadeiramente somos sem máscaras ou subterfúgios, e possamos nos subordinar ao Criador de todas as coisas.

Autora Paula Mesquita

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.