De Coração para Coração

Reflexão – dia 04 de maio de 2017

“Então, disse Samuel a Saul: Procedeste nesciamente em não guardar o mandamento que o Senhor, teu Deus, te ordenou; pois teria, agora, o Senhor confirmado o teu reino sobre Israel para sempre. Já agora não subsistirá o teu reino. O Senhor buscou para si um homem que lhe agrada e já lhe ordenou que seja príncipe sobre o seu povo, porquanto não guardaste o que o Senhor te ordenou”. (1 Samuel 13:13-14)

Acredito que todos nós conhecemos a história de Davi. Antes mesmo que fosse ungido rei, ele já era considerado segundo o coração de Deus, pois o Eterno conhecesse todos os nossos caminhos, inclusive o nosso futuro.

Mesmo depois de adulterar, mandar matar seu homem de confiança, ser omisso na criação dos seus filhos e tantos outros pecados, ainda assim foi considerado segundo o coração de Deus.

Qual a diferença que havia em Davi? Arrependimento! Arrependimento significa mudança de direção. Se eu faço, peço perdão e não faço mais. A história de Davi é conhecida até hoje e continuará sendo.

Nossa família, descendência, vizinhos, amigos, colegas de trabalho, irmãos em Cristo conhecerão nossa história como sendo de excelente exemplo e poderão usá-la para edificar outras vidas?

“Jesus os chamou e disse: Vocês sabem que aqueles que são considerados governantes das nações as dominam, e as pessoas importantes exercem poder sobre elas. Não será assim entre vocês. Ao contrário, quem quiser tornar-se importante entre vocês deverá ser servo; e quem quiser ser o primeiro deverá ser escravo de todos. Pois nem mesmo o Filho do homem veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos”. (Marcos 10:42-45)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.