De Coração para Coração

Reflexão – dia 23 de março de 2017

Houve tempo em que nós também éramos insensatos e desobedientes, vivíamos enganados e escravizados por toda espécie de paixões e prazeres. Vivíamos na maldade e na inveja, sendo detestáveis e odiando uns aos outros. (Tito 3:3)

Necessitamos até mesmo para demonstrar gratidão ao nosso Deus, amar como Ele nos amou e ama até os dias de hoje. Não podemos julgar como muitas vezes acreditamos ter todo o direito, pois já diz um ditado: com a medida que medires, também serão medidos.

Mas, quando, da parte de Deus, nosso Salvador, se manifestaram a bondade e o amor pelos homens, não por causa de atos de justiça por nós praticados, mas devido à sua misericórdia, ele nos salvou pelo lavar regenerador e renovador do Espírito Santo, que ele derramou sobre nós generosamente, por meio de Jesus Cristo, nosso Salvador. (Tito 3:4-6)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.